Conheça o Dia do Bibliotecário e saiba por que comemorar a data!

Veja qual a origem do Dia do Bibliotecário e entenda a importância da biblioteca e da leitura para a educação. Leia o artigo completo!
Dia do Bibliotecário: bibliotecária guardando livro em prateleira

No processo de aprendizagem existem diversos profissionais que são essenciais para a formação integral dos alunos. Dentro da  educação, há uma variedade de pessoas que não necessariamente estão dentro da sala de aula mas que contribuem para a vida orgânica das instituições. 

Um desses profissionais é o bibliotecário, que atua de forma estratégica para que as bibliotecas permaneçam vivas e cumpram o seu papel na formação dos estudantes. O dia do bibliotecário homenageia esses profissionais, que são essenciais para a gestão de conteúdos digitais ou impressos, e preservação do conhecimento. 

O bibliotecário vai muito além dos livros, enquanto profissional ele tem como base do seu trabalho, a informação e as técnicas de organização e preservação. Sendo que podem também participar de reuniões pedagógicas e definir metodologias mais ágeis, de forma que se otimize a utilização da biblioteca. 

Então, para que você possa conhecer mais sobre a profissão do bibliotecário e para celebrar o dia dessa profissão tão importante, preparamos este artigo. Nele você verá:

  • Qual é o Dia do Bibliotecário?
  • Qual a origem do Dia do Bibliotecário? 
  • Qual a importância da biblioteca e da leitura para a educação? 

Leia também: Conheça a importância e a história do Dia do Livro Didático!

Qual é o Dia do Bibliotecário?

O Dia do Bibliotecário é comemorado anualmente todo dia 12 de março. A data foi estabelecida pelo Decreto nº 84.631 de 12 de abril de 1980, pelo então presidente João Figueiredo. 

O Decreto também prevê outras disposições, como: 

  • Estabelece a Semana Nacional do Livro e da Biblioteca, com início no dia 23 de outubro e término no Dia Nacional do Livro, dia 29 do mesmo mês; e, 
  • Incumbe o Ministério da Educação e Cultura, em colaboração com a Federação Nacional dos Bibliotecários, a responsabilidade de organizar as celebrações das datas comemorativas estabelecidas pelo Decreto. 

Veja agora o que levou o governo a estabelecer o dia 12 de março como Dia do Bibliotecário!

Leia também: Conheça os livros digitais e saiba quais são os principais benefícios!

banner quinzena do consumidor: clique para acessar!

Qual a origem do Dia do Bibliotecário?

O dia 12 de março foi escolhido para comemorar o Dia do Bibliotecário por ser o dia de nascimento de Manuel Bastos Tigre, considerado o primeiro bibliotecário concursado do Brasil. 

Manuel Bastos Tigre nasceu em 12 de março de 1882, no Recife. Em sua graduação estudou engenharia, sendo que em 1906 mudou-se para os Estados Unidos para se aperfeiçoar em eletricidade. 

Nos Estados Unidos, Bastos Tigre conheceu o bibliotecário Melvil Dewey, ilustre bibliotecário norte-americano que desenvolveu a Classificação Decimal, tida como referência na área até os dias de hoje. 

Este encontro foi decisivo na vida de Bastos Tigre, que aos 33 anos, em 1915, decide abandonar a engenharia e trabalhar com biblioteconomia

Alguns anos depois Bastos Tigre prestou o concurso para ingressar no Museu Nacional do Rio de Janeiro, sendo aprovado em primeiro lugar, por seu estudo sobre a Classificação Decimal de Dewey. 

Em 1945, foi transferido para a Biblioteca Nacional, lugar em que ficou até 1947, dirigindo depois a Biblioteca Central da Universidade do Brasil. Por isso, Bastos Tigre é considerado o primeiro bibliotecário concursado do Brasil.

Vale dizer também, que Manuel também se destacou em outras áreas. Além de bibliotecário, ele era poeta, jornalista, compositor, humorista e publicitário. Como escritor publicou mais de 30 obras. 

Depois da biblioteconomia, uma das principais áreas de destaque de Manuel Bastos Tigre foi a publicidade. O bibliotecário desenvolveu slogans conhecidos até hoje para algumas empresas e compôs, junto a Ary Barroso, o primeiro jingle publicitário gravado em estúdio do Brasil. 

Manuel Bastos Tigre morreu aos 75 anos, em 1957, no Rio de Janeiro, tendo trabalhado até depois de sua aposentadoria na Biblioteca Central da Universidade do Brasil.  

Leia também: Você sabe o que é um clube do livro? Veja tudo sobre o assunto!


Qual a importância da biblioteca e da leitura para a educação? 

A biblioteca cumpre um papel essencial no fortalecimento e na complementação do processo de ensino-aprendizagem dentro das instituições de ensino. Além de ressaltar a importância da leitura, a biblioteca também funciona como um espaço de estudos e de pesquisa para os estudantes. 

A leitura estimula a capacidade interpretativa, o raciocínio lógico, a criatividade, a comunicação, o senso crítico e amplia a habilidade de escrita do leitor. 

A biblioteca é um grande apoio à aprendizagem na medida em que oferece serviços e livros aos membros da comunidade acadêmica, sejam professores ou alunos. Pois  promovem a oportunidade deles se tornarem usuários da informação de maneira ativa e crítica. 

Além do auxílio a professores e alunos, a biblioteca também cumpre com outros objetivos centrais, como: 

  • Proporcionar experiências voltadas à produção e uso da informação para o desenvolvimento cognitivo, científico e sociocultural;
  • Dar aos alunos a oportunidade de terem contato com outras ideias, perspectivas, experiências e opiniões sejam a nível regional, nacional ou global;
  • Desenvolver habilidades socioemocionais através da realização de atividades que levam a conscientização sociocultural dos alunos;
  • Incentivar os alunos a  experienciarem a importância do hábito da leitura na universidade, e o seu papel fundamental na aprendizagem;
  • Apoiar a comunidade acadêmica no processo de aprendizado e na prática de atividades extracurriculares. 

Por esses objetivos, a biblioteca reforça a ideia de que a liberdade intelectual e o acesso à informação são essenciais na efetivação de uma sociedade democrática e na formação da cidadania coletiva. 

E aí, gostou deste artigo sobre o Dia do Bibliotecário? Esperamos que sim! Continue no blog para conhecer as metodologias inovativas e descobrir como aplicá-las na educação!

Você também pode gostar

Artigos em destaque