16 dicas para alcançar o bem-estar no trabalho

Bem-estar no trabalho: equipe feliz

Você sabe como alcançar o bem-estar no trabalho?

A palavra bem-estar é um substantivo masculino que significa, de acordo com a definição da Oxford Languages:

  1. Estado de satisfação plena das exigências do corpo e/ou do espírito;
  2. Sensação de segurança, conforto, tranquilidade.

Ou seja, o bem-estar é um conjunto de ações e elementos para que um ambiente seja harmônico, fazendo as pessoas se sentirem bem e confortáveis ali. O bem-estar é necessário em qualquer lugar, mas principalmente no trabalho — já que é um local onde as pessoas passam um tempo considerável.

Nesse artigo vamos falar sobre o que é bem-estar no trabalho e dar algumas dicas de como fazer com que esse ambiente seja mais agradável. Não deixe de ler!

O que é bem-estar no trabalho?

O bem-estar no ambiente de trabalho ocorre quando o profissional encontra um local agradável e confortável para exercer suas funções de maneira leve, sem estresse. Ele fica, portanto, mais engajado nas suas atividades.

O bem-estar no trabalho consiste também em um ambiente limpo, fresco, organizado e que contenha o que é necessário para que o colaborador realize sua ocupação. Como mesa, cadeira, computador ou qualquer outro material. Isso tudo ajuda na saúde física e mental do profissional.

Prezar por um local saudável, estruturado, que traga conforto e felicidade para o colaborador é focar no bem-estar no trabalho. Com menos preocupação, estresse e mais liberdade e valorização.

Quais são os tipos de bem-estar?

Como dissemos, o bem-estar é um conjunto de diversos fatores que vão fazer com que o ambiente seja agradável para se trabalhar.

Por isso, é necessário pensar nos diversos tipos de fatores que podem exercer impacto neste sentido. Resolvemos trazer, portanto, os tipos de bem-estar para você conhecer e conseguir aplicar na sua empresa ou vida profissional. Confira!

Bem-estar físico

O bem-estar físico é aquele ligado às questões do corpo. O colaborador precisa estar saudável, com um ambiente bem cuidado para que não adoeça. Por isso, é necessário um local com banheiro, água, mesas e cadeiras confortáveis, luz, limpeza, organização e uma boa temperatura.

Além disso, é importante incentivar a prática de atividade física e também oferecer ajuda com plano de saúde, para que o colaborador possa sempre se cuidar.

Bem-estar mental

O bem-estar mental está ligado a questões como estresse e pressão. Para isso, a empresa pode incentivar terapia, práticas relaxantes como meditação, pausas para que o colaborador consiga ter momentos de descanso ao longo do dia.

Focar nas lideranças também é importante. Elas devem ser respeitosas, incentivadoras e prezar pelo diálogo e confraternização.

Bem-estar social

O bem-estar social é aquele relacionado às pessoas na empresa. Ninguém gosta de ficar sozinho e isso pode ser o motivo de episódios de ansiedade e depressão. O colaborador precisa interagir com os colegas.

É necessário promover reuniões e dinâmicas para troca de ideias, experiências, mesmo que não sejam estritamente profissionais, para que os funcionários consigam se relacionar.

Bem-estar financeiro

O dinheiro é algo essencial na vida e cuja falta pode impactar as pessoas de forma muito negativa. Por isso, salários justos, bons benefícios e recompensas a partir de metas e produtividade são importantes para gerar o bem-estar financeiro. 

Qual a importância do bem-estar no trabalho?

Na Revolução Industrial, o mercado de trabalho viu a chegada de máquinas e das linhas de produção nas fábricas. Isso aumentou a carga de trabalho e também acarretou problemas de saúde para os trabalhadores, já que as jornadas eram longas e exaustivas.

A partir das reivindicações trabalhistas, houve mudanças nos paradigmas legais e os Estados voltaram mais atenção para o bem-estar no trabalho. Começou-se a entender que qualidade de vida e uma certa flexibilidade são necessárias para que o funcionário produza bem. Por isso, o bem-estar é essencial!

Segundo uma pesquisa da empresa MetLife, organizações que investem no bem-estar do colaborador têm um aumento de 12% no engajamento, 9% na produtividade e 10% na lealdade com a empresa.

Com isso, já conseguimos dimensionar a importância de pensar no bem-estar no trabalho. Ele é importante para reter talentos, atrair novas pessoas e fazer com que o colaborador consiga entregar o melhor de si, estando feliz e saudável. Além de estar mais motivado e engajado e a empresa conseguir reduzir custos com afastamentos por doenças físicas ou mentais.

Como promover bem-estar no trabalho? 

O bem-estar é um conjunto de ações que precisam ser feitas para gerar um ambiente saudável e tranquilo. Por isso, vamos te mostrar agora 16 dicas para promover o bem-estar no trabalho:

  1. Interação entre colaboradores;
  2. Melhorias no ambiente;
  3. Saúde Física;
  4. Saúde mental;
  5. Flexibilidade;
  6. Sugestões;
  7. Treinamentos;
  8. Benefícios;
  9. Lideranças;
  10. Clima organizacional;
  11.  Bons exemplos;
  12. Estímulos;
  13. Escutar os colaboradores;
  14. Feedbacks;
  15. Diversidade;
  16. Plano de carreira.

Leia também: O trabalho como deve ser — Aprenda a ser feliz com o que você faz

1. Interação entre colaboradores

Incentivar a interação entre colaboradores é um bom ponto para promover o bem-estar no trabalho.

Quando as pessoas se conhecem e criam laços, o ambiente fica mais agradável e confortável, principalmente no trabalho onde se passa uma grande parte do dia.

Faça happy hours, promova dinâmicas e trocas de ideias.

2. Melhorias no ambiente

O ambiente físico é muito importante para o bem-estar. Ninguém gosta de ficar em um lugar que não está arrumado, com coisas estragadas e sujas.

Por isso, além dessas questões básicas, é essencial sempre pensar em melhorias que tragam conforto para o colaborador.

3. Saúde Física

A atividade física é um ponto que vai ajudar no físico e mental dos profissionais. Por isso, tenha benefícios como Gympass ou aulas e espaços, dentro da própria empresa, para que o colaborador consiga se exercitar.

Pensar em ginástica laboral também é importante. Além de ajudar na parte física, pode ser um momento de descontração e pausa.

Importante lembrar, também, que a promoção dessas práticas é importante para prevenção contra doenças e problemas de saúde causados pelo trabalho — como é o caso de problemas de coluna e a Lesão do Esforço Repetitivo (LER).

4. Saúde mental

Além da saúde física, a saúde mental é muito importante para o bem-estar no trabalho. É preciso incentivar o colaborador a fazer terapia e ter momentos de conversa com colegas e até mesmo com o chefe quando tiver algum problema. 

Prezar pelo momento de descanso é algo que também ajuda na questão mental, evitando que os profissionais fiquem desgastados.

5. Flexibilidade

Atualmente, com a rotina corrida das pessoas, a flexibilidade tem sido algo muito almejado.

Poder trabalhar de qualquer lugar, fazer horários diferentes, poder marcar um médico no horário de trabalho. Rotinas rígidas não fazem bem para o colaborador, criando um ambiente desagradável para se trabalhar.

6. Sugestões

A empresa precisa estar sempre aberta para escutar sugestões e opiniões. Ambientes assim, que dão abertura e incentivam a participação, fazem com que o funcionário se sinta escutado e valorizado, gerando mais bem-estar no trabalho.

7. Treinamentos

Investir em treinamentos e capacitações é uma boa forma de incentivar os colaboradores, fazendo com que eles se sintam motivados e valorizados. Isso vai melhorar o desenvolvimento e aumentar a produtividade, criando bem-estar no ambiente.

8. Benefícios

Os benefícios são uma ótima forma de prezar pelo bem-estar financeiro.

Plano de saúde, auxílios como creche, convênios com academias, farmácias, parcerias com escolas para cursos de idiomas… Isso tudo traz motivação para os colaboradores.

9. Lideranças 

As lideranças são pontos importantes a se trabalhar em uma empresa para gerar bem-estar.

Se elas não valorizam o diálogo, a flexibilidade, feedbacks etc., isso pode fazer com que cobrem os colaboradores em excesso. É necessário treinar e sempre avaliar também os líderes para focar no bem-estar no trabalho.

10. Clima organizacional

O clima organizacional é uma questão de extrema relevância para um ambiente confortável. É necessário estimular relações respeitosas e empáticas. Isso faz com que o estresse seja menor entre os colaboradores. Além disso, cria um espaço que seja agradável e estimulante.

11. Bons exemplos

Dar e compartilhar bons exemplos também ajuda na promoção de bem-estar no trabalho. Essa ação faz com que um ambiente de boas práticas seja criado, além de mostrar coerência para os colaboradores, fazendo com que se sintam mais engajados.

12. Estímulos

Bom, já falamos de benefícios com auxílios e convênios, que são uma forma de estímulo fixo e serão dadas todos os meses aos colaboradores. Mas é necessário pensar também em estímulos variáveis, recompensas quando alguma meta é atingida, por exemplo. Isso incentiva o funcionário a querer melhorar o seu desempenho.

13. Escutar os colaboradores

Escutar os colaboradores é essencial para criar um bom ambiente de trabalho. É necessário que eles se sintam confortável para expor algo que não está bom, falar de problemas, pedir ajuda.

Os gestores podem ter conversas frequentes e o RH pode enviar pesquisas para entender como está o clima.

14. Feedbacks

Para gerar bem-estar no trabalho, os profissionais precisam entender os resultados dos seus esforços, escutando um retorno de seus líderes. 

Por isso, a cultura do feedback é tão importante. Mesmo que o colaborador tenha pontos para melhorar, quando ganha um retorno, de forma respeitosa, é estimulado a se desenvolver.

15. Diversidade

O respeito é a chave para relações saudáveis. Por isso, ter um ambiente diverso e em que as pessoas respeitem as diferenças é fundamental. Isso faz com que os colaboradores se sintam acolhidos e livres para ser quem são dentro do ambiente de trabalho. 

16.  Plano de carreira

Por último, mas não menos importante, é necessário ter um plano de carreira estruturado.

Sabendo que pode evoluir na profissão, melhorando o salário e subindo de cargo, o profissional irá se sentir motivado e valorizado pela empresa. Assim, irá se desenvolver e ficar na organização, evitando-se a retenção de talentos.

Quais os principais problemas no ambiente de trabalho?

Bom, você já deve estar imaginando os principais problemas que acontecem em um ambiente de trabalho que não preza pelo bem-estar de seus profissionais. 

Quando um bom clima não é desenvolvido, podemos acarretar em diversos problemas para a organização, como:

  • Funcionário estressados;
  • Desmotivados;
  • Não produtivos;
  • Doentes fisicamente e mentalmente.

Isso pode gerar pedidos de demissão, atestados e licenças médicas, clima desconfortável.

Qual o benefício de promover o bem-estar no trabalho?

Ao longo do texto você com certeza conseguiu identificar diversos benefícios do bem-estar no trabalho. Mas vamos detalhá-los agora, para você visualizar algumas das vantagens para a empresa e para o colaborador.

Benefício para a empresa

Os benefícios para a empresa estão muito ligados a ter um colaborador saudável e que está feliz na empresa, tendo mais motivação para produzir.

Melhoria na produtividade do colaborador

O principal benefício para a empresa é a melhoria na produtividade dos colaboradores. Estando em um ambiente agradável ele vai ficar estimulado e engajado para produzir melhor. Isso irá afetar positivamente os resultados do negócio.

Baixa rotatividade

O bem-estar no trabalho vai fazer com que os colaboradores se sintam satisfeitos e valorizados onde estão. Com isso, vão querer ficar na empresa, pois sabem que ali há chances de crescer e de adaptar a sua rotina. Assim, evitamos que a organização tenha que lidar com a rotatividade de pessoas.

Redução de gastos

Uma empresa que preza pelo bem-estar no trabalho terá uma redução de gastos, pois os pedidos de demissão serão menores e os atestados e licenças médicas também. E um colaborador que produz bem também gera mais lucro!

Benefício para o colaborador

O bem-estar para o colaborador está relacionado à sua saúde mental e física de conseguir trabalhar em um ambiente que lhe dê estímulos, flexibilidade e autonomia para realizar suas tarefas. 

Saúde mental

Um dos benefícios mais importantes para o colaborador é ter sua saúde mental estável. Pois será um ambiente onde ele consegue se cuidar, tendo apoio com benefícios e também tendo lideranças respeitosas e desafios saudáveis, dentro do seu limite.

Saúde física

A saúde física também é essencial para qualquer pessoa. Com o bem-estar no trabalho, o profissional vai conseguir se manter ativo com estímulos e benefícios e ter ajuda com plano de saúde para fazer acompanhamentos.

Melhoria na produtividade

A melhoria na produtividade não é um benefício só da empresa, mas também do colaborador. Estando em um ambiente confortável e tranquilo, ele conseguirá desempenhar melhor suas funções, vendo o próprio desenvolvimento e crescendo dentro da carreira.
Essas foram as dicas sobre bem-estar no trabalho, esperamos que sejam úteis e que você tenha entendido a importância do conceito. Não deixe de colocá-las em prática para trazer diversos resultados positivos.

Você também pode gostar

Artigos em destaque