Saiba o que é inglês instrumental e como esse método de aprendizado pode te ajudar!

Você sabe o que é inglês instrumental? Conheça estratégias que vão mudar a sua maneira de se relacionar com a língua inglesa!
Inglês instrumental: professora usando quadro branco com dizeres em inglês

Você já deixou de tentar uma pós-graduação ou um concurso porque a prova exigia conhecimentos em língua estrangeira? Ou então se pegou pensando que jamais conseguiria aquela promoção no trabalho porque não sabe ler em inglês? 

Então pode relaxar: é para te ajudar nesses processos que existe o inglês instrumental. Esse é um método de aprendizado que vai mudar a sua maneira de se relacionar com a língua inglesa. 

Não, você não precisa saber toda a gramática do inglês para ler um texto — basta ter as técnicas certas e um pouquinho de vocabulário. Quer saber mais? Preparamos esse texto para mostrar a continue lendo!

O que é Inglês Instrumental? 

O inglês instrumental é uma metodologia de aprendizado, ou seja, um método que foca em resultados mais rápidos. Isso acontece porque ele não abrange o conteúdo da mesma maneira que um curso de inglês tradicional; na verdade, ele trata apenas do conteúdo necessário para que você chegue ao seus objetivos.

Pense, por exemplo, em uma prova para uma pós-graduação. Em geral, o inglês cobrado nesses momentos se restringe à interpretação de textos e algumas questões básicas de gramática. Sendo assim, por que se dedicar a detalhes como o pretérito imperfeito?

Além disso, o inglês instrumental pode ser dividido por áreas. Desse modo, uma pessoa da área de tecnologia provavelmente vai estudar termos e expressões diferentes de uma pessoa da medicina ou das linguagens. 

Vale lembrar que o foco do inglês instrumental é a leitura de textos. É por isso que essa metodologia consegue alcançar resultados tão mais rápidos.

Confira: 10 livros para melhorar a comunicação

lançamento da benvirá: clique aqui e confira!

Pra que serve o Inglês Instrumental?

De modo geral, o inglês instrumental serve para possibilitar a leitura em inglês em menor tempo e com maior facilidade. Embora não substitua um curso completo, ele é uma opção para quem deseja alcançar objetivos de curto prazo.

Nesse sentido, pode ser indicado para:

  • Pessoas que desejam prestar um concurso público;
  • Pessoas que desejam passar em uma prova de pós-graduação;
  • Profissionais que querem se aprimorar em uma área específica;
  • Pesquisadores que desejam ter acesso a mais materiais de pesquisa, produzidos em inglês.

A sua função é facilitar o aprendizado rápido, permitindo que estudantes e profissionais compreendam textos de modo eficaz.

Qual a importância do Inglês Instrumental?

O inglês é uma habilidade muito exigida no mercado de trabalho. Há quem diga, inclusive, que já se tornou uma competência “básica”, esperada da maioria dos candidatos a uma vaga ou a uma promoção. 

E, apesar de nem todo mundo ter acesso aos cursos de inglês hoje em dia, a verdade é que o mercado está cada vez mais internacional.

O inglês instrumental ajuda a suprir essa demanda de profissionais que podem ler em língua inglesa e, assim, ampliar seus conhecimentos técnicos sobre uma área. Com ele, nem todo mundo precisa buscar um curso tradicional, o que faz com que o ensino de inglês se torne mais democrático e facilitado. 

Além disso, nem sempre temos muito tempo disponível para aprender uma nova habilidade. Porque oferece resultados mais rápidos, o inglês instrumental também se torna uma opção para quem quer conseguir ler em inglês com velocidade. 

Leia também: Qual é a verdadeira importância da leitura?

Como estudar Inglês Instrumental? Veja 5 dicas!

Agora que você já sabe o que é e para que serve o inglês instrumental, é hora de colocar a mão na massa e começar a estudar. Para isso, separamos algumas dicas que podem te ajudar. Confira!

1. Conheça as palavras mais comuns do inglês;
2. Comece a ler em inglês;
3. Coloque a legenda das séries e filmes em inglês;
4. Não se esqueça dos falsos cognatos; e
5. Conte com livros específicos;

1. Conheça as palavras mais comuns do inglês

Você sabia que os textos em inglês costumam usar palavras muito semelhantes? Para quem deseja estudar inglês instrumental, é fundamental começar a construir o vocabulário com esses termos mais recorrentes.

As palavras mais comuns do inglês variam entre substantivos, adjetivos, verbos e pronomes. Mas um estudo de Oxford mostrou que, ao aprender apenas 100 dessas palavras, você já é capaz de ler 50% de qualquer texto. Bacana, né?

Para encontrar essas listas, você pode apostar no Google: existem diversos sites e grupos de estudos que compartilham essa informação. 

2. Comece a ler em inglês

Pode parecer difícil começar a ler em um idioma que você não domina, mas a gente garante: vai ficando mais fácil à medida que você vai progredindo. Por isso, se você precisa ampliar a sua habilidade de leitura, não perca tempo: comece a ler agora mesmo.

Uma dica é começar por livros infantojuvenis, com vocabulário mais simples e textos mais curtos. Depois, você pode passar para os livros que já conhece, para que o seu cérebro se habitue a fazer o paralelo entre a história em português e em inglês.

3. Coloque a legenda das séries e filmes em inglês

Todo mundo tem aquela série ou aquele filme que já assistiu um milhão de vezes. Então por que não assistir de novo, agora com a legenda em inglês? 

É muito provável que você já saiba o que está sendo dito, e acompanhar a legenda em outro idioma faz com que você se familiarize com as frases. Além disso, é uma ótima maneira de ganhar mais vocabulário

4. Não se esqueça dos falsos cognatos

Os falsos cognatos são as palavras em inglês que se parecem muito com palavras em português, mas têm significados diferentes. Por exemplo:

  • mayor = prefeito, e não “maior”;
  • spectacles = óculos, e não “espetáculos”;
  • anthem = hino, e não “antena”.

Conhecer os falsos cognatos ajuda a evitar erros comuns na leitura. Você pode encontrar diversas listas pela internet, basta procurar! E lembre-se: ler com calma e atenção também impede que você caia nessas armadilhas.

5. Conte com livros específicos

Quando estamos estudando um novo idioma, os livros de gramática são nossos melhores amigos. No caso do inglês instrumental, você também pode contar com livros específicos para guiar melhor a sua aprendizagem.

Um exemplo é a obra Inglês Instrumental, de Marco Aurélio Thompson. Ela apresenta técnicas de leitura em inglês e explica estruturas como substantivos, artigos, pronomes, verbos etc., além de seus equivalentes em Língua Inglesa.

Embora os textos sejam relacionados principalmente à Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), a obra pode ser útil para todos os estudantes que desejam aprender mais sobre inglês instrumental. 

Esperamos que você tenha gostado desse conteúdo sobre inglês instrumental. Continue no blog e descubra como aproveitar as vantagens da aprendizagem socioemocional!

Você também pode gostar

Artigos em destaque