Guia completo sobre a carreira de delegado de polícia!

Tem interesse em se tornar delegado de polícia? Confira nosso guia completo sobre a profissão e saiba como funcionam os concursos!
delegado de polícia: dois policiais sorrindo

A profissão de delegado de polícia é cobiçada por muitos estudantes de Direito, e até mesmo por aqueles que já atuam nas diferentes carreiras jurídicas.

Afinal, os delegados trabalham diretamente na aplicação das leis, com o intuito de garantir a segurança da população. Com muita frequência, atuam em equipe com promotores, investigadores e peritos, além de fazer a gestão de suas unidades.

Estes profissionais podem trabalhar nas Polícias Federal ou Civil. Assim, ocorrem variações nos territórios pelos quais são responsáveis, e também no tipo de crime que investigam.

Para se tornar um delegado, é necessário ser bacharel em Direito, além de obter a aprovação em um concurso público. Como os certames são exigentes e concorridos, os interessados devem construir sua própria rotina de estudos, contando com excelentes livros de Direito.

Tem interesse em seguir essa carreira? Neste artigo, você vai encontrar um guia completo sobre a profissão de delegado de polícia. Explicaremos as atribuições, salários, como funcionam os concursos, e também 4 dicas para você começar a se preparar. Vamos lá?

Qual é a função de um delegado de polícia?

De modo geral, o delegado de polícia tem como função instaurar e presidir procedimentos de investigação criminal, além de gerir a unidade em que trabalha. 

São responsáveis por aplicar e garantir o cumprimento da lei, assegurando a justiça e a segurança para todos os cidadãos. 

Seu trabalho acontece em colaboração com diversos outros profissionais, como advogados, promotores e investigadores. 

Assim, na prática, são atribuições dos delegados:

  • Instaurar e presidir inquéritos policiais;
  • Investigar crimes;
  • Coordenar a equipe de policiais;
  • Mediar conflitos;
  • Exercer atividades de planejamento e orientação;
  • Organizar operações policiais; entre outros.

Conforme veremos a seguir, os delegados podem pertencer aos quadros da Polícia Civil ou da Polícia Federal.

Veja também: Fique por dentro do que mudou com o Pacote Anticrime

Quais são as diferenças entre um delegado da área civil e da área federal?

As principais diferenças entre delegados civis e federais dizem respeito ao território de atuação e também aos tipos de crimes investigados.

Vamos entrar em detalhes sobre cada um deles:

  • Delegado de Polícia Federal;
  • Delegado de Polícia Civil.

Continue a leitura:

Delegado de Polícia Federal

Os delegados federais atuam no âmbito nacional, investigando as ocorrências de interesse federal.

No artigo 144, a Constituição detalha alguns dos crimes nos quais a Polícia Federal atua. Observe:

  • Infrações penais contra a ordem política e social ou em detrimento de bens, serviços e interesses da União ou de suas entidades autárquicas e empresas públicas;
  • Prevenção e repressão do tráfico ilícito de entorpecentes e drogas afins, o contrabando e o descaminho; entre outros.

Sendo assim, a Polícia Federal tem uma área de atuação diversa, intervindo, por exemplo, em crimes ligados à política, contrabando e tráfico de drogas. 

O delegado de Polícia Federal é subordinado ao Ministério da Justiça.

Delegado de Polícia Civil

Os delegados de Polícia Civil atuam dentro de um estado específico do Brasil. Dessa forma, apuram as ocorrências dessa localidade restrita.

Os crimes que eles investigam são aqueles que não cabem à Polícia Federal. Por exemplo, casos de furtos, roubos, feminicídios, entre outros.

Nesse sentido, eles instauram, presidem e conduzem os inquéritos policiais, a fim de apurar as responsabilidades do crime.

O delegado de Polícia Civil está subordinado à Secretaria de Segurança Pública de seu estado.

Confira também: Nossa seleção com 30 livros para advogados

O que é necessário para ser um delegado de polícia?

Para se tornar delegado de polícia, é necessário ser bacharel em Direito, em uma instituição reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). Em alguns casos, os editais também colocam como requisito ter três anos de atividade jurídica.

Em seguida, os interessados devem ser aprovados em um concurso público. De modo geral, os certames envolvem as seguintes etapas:

  • Prova objetiva;
  • Prova discursiva;
  • Exame de aptidão física;
  • Prova oral;
  • Avaliação de títulos;
  • Avaliação psicológica.

Isso pode variar de acordo com o concurso, por isso, é importante ficar de olho no edital. 

Depois de aprovado, o futuro delegado deverá fazer um curso de formação, na Academia de Polícia.

Qual é o salário de um delegado de polícia?

As remunerações variam de acordo com o estado e nível da carreira.

Segundo a plataforma Glassdoor, a faixa de salário-base dos delegados fica entre R$16 mil e R$29 mil

Geralmente, os delegados federais apresentam uma remuneração superior em relação a seus colegas da Polícia Civil.

Banner livros digitais: clique para acessar!

Como estudar para os concursos de delegado de polícia? Confira 4 dicas

Tem interesse em se tornar delegado de polícia? Como vimos, além da graduação em Direito, você deve disputar um concurso público bastante exigente.

Portanto, é necessário que você se planeje e se prepare adequadamente. Na lista abaixo, separamos algumas dicas. Confira-as:

  1. Leia o edital;
  2. Prepare um cronograma;
  3. Conte com bons livros para concursos;
  4. Utilize as melhores técnicas de estudo.

Saiba mais:

1. Leia o edital

A preparação para qualquer concurso começa com a leitura do edital. Lá, você encontrará um verdadeiro manual da sua prova, indicando:

  • Quantas etapas o certame tem;
  • Conteúdo programático;
  • Número de questões;
  • Duração da prova;
  • Materiais permitidos; entre outros.

O edital vai te dar uma direção para começar os estudos. Afinal, você já sabe os conteúdos que podem ser cobrados. Logo, poderá estudar de modo assertivo.

2. Prepare um cronograma

Em seguida, você deve preparar um cronograma de estudos. Essa ferramenta auxilia na gestão do tempo, garantindo que você dê conta de estudar todos os conteúdos necessários.

Você pode fazer um planejamento semanal ou mensal. O primeiro passo é mapear os horários livres para estudos. Depois, distribuir as matérias nesses períodos.

Não se esqueça de deixar um tempinho para o lazer e também para pausas. Conforme avançar na preparação, vá reajustando o seu modo de fazer o cronograma, de acordo com suas necessidades.

3. Conte com bons livros para concursos

Agora, chegou a hora de estudar! Para isso, é indispensável que você conte com um material de apoio – isto é, bons livros para concursos.

A Saraiva Jur tem obras voltadas ao concurso de delegado de polícia. São títulos produzidos por especialistas, que contam com teoria e exercícios.

O material é escrito em uma linguagem acessível, o que facilita a sua compreensão. Na lista abaixo, separamos títulos essenciais para essa maratona:

4. Utilize as melhores técnicas de estudo

Por fim, no seu dia a dia de estudos, você pode utilizar diferentes técnicas, a fim de fixar melhor os conteúdos.

Por exemplo, fazer resumos de aulas, ou fichamentos de livros. Também revisar a matéria por meio de flashcards, até resolver simulados e provas anteriores, para se habituar ao estilo do exame, e controlar melhor o tempo de resolução.

São diversas as técnicas de estudos: teste-as, e encontre aquela que funciona melhor para você.

Esperamos que você tenha gostado deste artigo sobre a carreira de delegado de polícia. Continue no nosso blog, e veja este post que te ajudará a escolher o melhor livro de Direito Penal!

Você também pode gostar

Artigos em destaque